A Porta Que Deus Abre, Ninguem Fecha (Parte I)


Eu sei as tuas obras; eis que diante de ti pus uma porta aberta, e ninguém a pode fechar; tendo pouca força , guardaste a minha palavra, e não negaste o meu nome.” Ap. 3:8

No livro de Apocalipse, o Senhor Jesus pede ao apóstolo João que escreva às Igrejas. Este versículo acima foi escrito à igreja de Filadélfia.
O Senhor conhece as nossas obras, os nossos pensamentos e até as intenções de nossos corações. Se estamos em dificuldades, tristes ou alegres. Ele sabe todas as coisas. E tem respondido às nossas orações, indagações (ainda que não percebamos). Poderia dizer que o Senhor tem colocado PORTAS ABERTAS diante de nós. Nesta primeira parte vamos aprender quem é a Porta.
No evangelho de João 10:9 Jesus declara: Eu sou a porta; se alguém entrar por mim, salvar-se-á, e entrará, e sairá, e achará pastagens. Baseado no que Jesus disse, Ele é a porta. Note que esta porta está aberta (nela se entra e sai). Mas Jesus também é a Palavra de Deus (Jo 1:1, Ap 19:11-13). Toda vez que nós precisamos de respostas o Senhor a envia. Então clamaram ao SENHOR na sua angústia, e ele os livrou das suas necessidades. Enviou a sua palavra, e os sarou; e os livrou da sua destruição. (Sl 107:19-20). Sabemos que na Palavra temos promessas que o Senhor fez ao seu povo. Portanto podemos dizer que a porta aberta que o Senhor coloca diante de nós são as promessas contidas em sua Palavra. E se alguém ouvir as minhas palavras, e não crer, eu não o julgo; porque eu vim, não para julgar o mundo, mas para salvar o mundo (Jo 12:47). Quando cremos na palavra, entramos pela porta e somos salvos (físico e espiritual) e achamos pastagens (alimento, nos dois níveis).
Agora que sabemos quem é a Porta. Passemos adiante: Esta porta ninguém pode fechar, exceto nós. Como assim!!! Você não leu???
Só nós podemos fechar esta porta, e isso acontece quando nós: Não guardamos (Esquecer ou não crer) a palavra e/ou negamos o Nome do Senhor. Logo as condições para mantermos a Porta aberta é guardar a Palavra (as promessas) e não negar o Nome. Há momentos em que a pessoa, em dificuldade, está com pouca força e nesta hora a pessoa ou entra pela Porta que está aberta, ou a fecha. Estaremos aplicando esse princípio nos textos que seguem: A Porta que Deus Abre, Ninguem Fecha (Parte II) e A Porta que Deus Abre, Ninguem Fecha (Parte III)

Related Posts
Previous
« Prev Post

4 comentários